terça-feira, 6 de dezembro de 2011

# 4

.

«Entre os livros e o som
tão quase nada passa
corpo a corpo o universo

em cada célula só
uma caixa de sombra
resguarda na poeira

o tempo o tempo o tempo»

Vasco Costa Marques




.