segunda-feira, 12 de dezembro de 2011

# 10

.


«Dia feito de tempo e de vazio:
desabitas-me, apagas
meu nome e o que sou,
enchendo-me de ti: luz, nada.

E flutuo, já sem mim, pura existência.»

Octavio Paz




imagem 12.2011
.

1 comentário:

angela disse...

Lindo. Foto e poesia em perfeita sintonia.
beijo