sexta-feira, 4 de maio de 2012

# 39

 .
 




«O poeta é incapaz de conter um segredo, acaba sempre por dizer no poema aquilo que queria guardar só para si.»

de Rosto Precário, Eugénio de Andrade


[imagem: Maio 2012 - Minolta Dimage Z3]



.

4 comentários:

Ana Viaja disse...

Meu querido amigo Leonardo. Deixo aqui meu abraço, Ana

Lily disse...

Ah, isso eh verdade! De uma forma ou outra, nas entrelinhas, escancaradamente ou nao, o poeta se entrega, confessa, conta tudo ou quase tudo.

Suzana Guimaraes-Lily

OceanoAzul.Sonhos disse...

O poeta vagueia, quando escreve... busca dentro do seu interior as palavras sentidas que lança ao mundo.

A imagem é acolhedora, propícia ao aconchego do poeta.

Abraço Leonardo.
cvb

erin disse...

i climb upwards toward this light. my soul passes through me. i can't help it.

xo
erin